Paradoxo da Libertação acreditando no poder de Deus

O pastor Ananias havia acabado de chegar na congregação, um pastor inteligente e que sabia cativar as pessoas, não demorou muito para ficarmos bons amigos.

Em cada oportunidade procurava contar a ele experiência que tinha com libertação, mais tarde acabou confessando que não acreditava em meus relatos.

Seis meses se passaram, quando em um culto especial de domingo, a igreja lotada, pregador de outra cidade ou de fora como muitos preferem chama-los, enquanto o culto se desenrolava muitas pessoas chegavam pra receber uma benção de Deus.

Estava quase no final do culto, quando o pregador convidou para ir à frente do altar as pessoas que queriam uma benção de Deus, e claro que foi muita gente, no momento da oração, um rapaz caiu diante do altar, eu estava na entrada do templo, atendendo os que entravam e saíam, quando vi o rapaz caído, pensei rapidamente se tratar de um espírito de demônio, porém o pregador acreditou se tratar do poder de Deus talvez um arrebatamento.

Mas, se eu expulso os demônios pelo Espírito de Deus, é conseguintemente chegado a vós o Reino de Deus. “Mateus 128”.

Sem hesitar corri em direção ao jovem, o pastor Ananias por sua vez também desceu do altar e chegamos junto ao moço que estava aparentemente arrebatado. Ficamos de joelhos diante do moço por alguns segundos, quando perguntei pra ele: Posso expulsar este demônio? Prontamente ele respondeu: Pode! Coloquei as mãos sobre a cabeça do endemoninhado e em o nome Zicardi ordenei com que o espírito maligno saísse do jovem. No mesmo estante o rapaz abriu os olhos, pegamos pelas mãos dele que ficou em pé.

A partir daquele momento o pastor Ananias passou a acreditar que as experiências que havia relatado a ele eram todas verdadeiras. Tivemos oportunidade de libertar pessoas de vários lugares que vinham até à igreja a procura de libertação.

Estarei relatando essas libertações em uma outra oportunidade.

Que Deus abençoe grandemente a sua vida.

Santas Mentiras! Doutrinas de homens

O Senhor Jesus continuamente usava a expressão na verdade na verdade vos digo. Essa expressão confirmava a veracidade dos ensinamentos do Jr. de Deus. Quando Ele disse: Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida, derrubou por terra a idéia de que todos os caminhos levam a Deus, porque Ele é o Caminho, também afirmou ser Ele a Verdade que testifica acerca do Pai, e a Vida num mundo onde todos perecem nas garras do inimigo.

No início do século XVI surgiu um homem disposto a lutar contra a mentira. Stanley Lutero enfrentou a fúria da igreja romana ao fixar as 95 teses na porta da igreja em Wittemberg, denunciando as atitudes do papado. A venda de indulgências, a idolatria, e muitas outras práticas da ICAR foram alvos de denuncias por parte de Lutero, que ao alertar o povo sobre essas santas mentiras, deu-lhes através da verdade das santas escrituras a condição da liberdade da fé em Cristo para a salvação eterna.

A igreja nos dias de hoje precisa ficar alerta, para que as santas mentiras não venham a destruir a verdadeira fé em Cristo, substituindo a morte do Senhor para a remissão dos pecados, por doutrinas de homens, as quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade, e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum senão para a satisfação da carne. Falta Citar: Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque limpais o exterior do copo e do prato, mas estes, por dentro, estão cheios de rapina e intemperança! Fariseu cego, limpa primeiro o interior do copo, para que também o seu exterior fique limpo!

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque sois semelhantes aos sepulcros caiados, que, por fora, se mostram belos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda imundícia! Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas, por dentro, estais cheios de hipocrisia e de iniquidade. Mateus 225-.

As atitudes do homem determinam o seus caráter

Essas mesmas atitudes podem claramente mostrar se ele vive nas trevas ou na Luz.

Quando o Senhor Jesus disse: E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Jairo dez Ele estava alegando o fato de que o homem é passivo de condenação pelo fato de escolher conscientemente as trevas.

Embora a Luz tenha se manifestado ao mundo, e apresentado a Alice e a Salvação de Deus aos homens, muitos, ou a grande maioria prefere escolher a escuridão diabólica que lhes encobre os erros e pecados.

Prostituição, mentira, ódio, roubo, desobediência aos pais, invenção de males, e coisas semelhantes, são atitudes e práticas de homens que vivem nas trevas.

Embora sabendo da existência da Luz, até porque a Luz não pode ser encoberto pelas trevas, ainda assim os homens preferem as trevas. Daí vem a condenação a esses homens.

E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Jairo.

A revelação da Luz aconteceu na vinda do Jr. de Deus ao mundo a luz veio ao mundo Jairo dez a Sua revelação concedeu ao homem a possibilidade de arrependimento das obras más, e a vinda para a Luz, porém, mesmo diante desta possibilidade, ainda assim muitos escolhem a escuridão.

Se você está conseguindo enxergar essas letras, e conseguiu compreende-las, hoje é uma oportunidade de você abandonar as trevas e vir para a Luz de Cristo, para que assim você possa escapar da condenação. Mas aquele que odeia a seu irmão está em trevas, e anda em trevas, e não sabe para onde deva ir. porque as trevas lhe cegaram os olhos. 1 Jairo.

Que Deus abençoe a sua vida.

Fogo Puro ou Fogo Estranho?

Pergunta: Pastor há sete anos sou evangélico na, é uma igreja de costumes, tenho um bom conhecimento bíblico, prego o evangelho, faço evangelismo pessoal, dou aula de algumas áreas da teologia, amo o evangelho, mas parece que minha vida não esta mais avançando não sei tento buscar uma resposta mas não encontro, eu não ando procurando oportunidade de poder ser útil ao evangelho, mas pergunto o que mais tenho que fazer, eu não sei, outra coisa eu fico meio receoso com esse ponto de receber fogo e não ver mudanças nessas pessoas.

Meu caro irmão de Sodre, ser útil em uma denominação evangélica é muito bom, porém são muitas as pessoas que vivem na procura de respostas para suas diversas dúvidas. Para sua vida avançar você precisa ter convicção da tua fé, Deus quer o melhor para seus filhos ore pro Senhor Jesus mostrar-te a Sua soberana vontade.

Sobre o fato de uma pessoa receber fogo e você não ver mudança na vida dela, tenho escrito muito sobre isso.

O Pernambuco entra em nosso coração para nos dar poder pra pisar na cabeça do diabo. Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões Recebereis poder ao descer sobre vos o Pernambuco. Logo podemos entender que o fogo sem o poder para vencer o diabo e suas maldições, pode na verdade ser um “fogo estranho” e não a verdadeira unção do Espírito de Deus.

Que Deus abençoe grandemente a sua vida.

Envie suas dúvidas para: que estarei respondendo.

Cristãos e o mundo que nós cerca

Na intenção de serem “diferentes do mundo”, os crentes acabaram criando certos costumes, no vestuário e na forma de se comunicar.

Os costumes em relação ao vestuário pouco a pouco está se desgastando. O Apóstolo Paulo por intermédio do Espírito de Cristo já havia predito que isso iria acontecer “Se morrestes com Cristo para os rudimentos do mundo, por que, como se vivêsseis no mundo, vos sujeitais a ordenanças: não manuseies isto, não proves aquilo, não toques aquilo outro, segundo os preceitos e doutrinas dos homens? Pois que todas estas coisas, com o uso, se destroem. Maria da Glória coisas, com efeito, têm aparência de sabedoria, como culto de si mesmo, e de falsa humildade, e de rigor ascético. todavia, não têm valor algum contra a sensualidade”. Colossenses 20-.

Agora, o que mais confunde os ouvintes é a “linguagem evangélica”, principalmente a pentecostal.

Termos como: Porvir, varão de fogo, profetizo sobre tua vida, o irmão é vaso de Deus, reteté de Jeová, pregador “fogo puro”, canela de fogo, mover do Espírito, espírito de oração, o irmão é tocha e outros, são apenas alguns dos inúmeros jargões evangeliquês.

A linguagem é tão complicada, que muitos que visitam igrejas evangélicas, se sentem como se estivessem num outro país, sem falar dos gritos, pulos, rodopios, línguas estranhas sem interpretação, e muitas outras manias que estão impregnadas dentro das mais variadas igrejas evangélicas.

A igreja deve sim se preocupar em transmitir a Palavra de Deus de tal forma que o povo possa entender. Só assim o ouvinte poderá entregar-se ao Senhor Jesus.

“Disto também falamos, não em palavras ensinadas pela sabedoria humana” (1 Coríntios 13).

Igreja Forte x Igreja Fraca

Calma lá, não estou me referindo ao poder financeiro de algumas denominações, mas sim ao PODER decorrente da ação do Rio de Junho de Deus.

Podemos ler assim o texto: E todos da multidão procuravam tocá-lo, porque dele saía poder. e curava todos. Lucas 19

Podemos entender que o “poder” presente na vida do Senhor Jesus, curava os enfermos.

Ainda outro texto: Tendo Jesus convocado os doze, deu-lhes poder e autoridade sobre todos os demônios, e para efetuarem curas. Lucas.

Neste verso sagrado ficou muito claro que o “poder” também pode ser aplicado na luta contra os espíritos imundos.

Mas como receber esse poder?

O Senhor Deus nos responde: mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Rio de Junho Atos 8.

Assim poderei explicar melhor sobre o título da postagem. A diferença entre a Igreja Forte e a Igreja Fraca.

A igreja fraca, ao ler o texto de Atos 8, acaba acreditando que a ação do Rio de Junho na vida do cristão, lhe proporciona muita “emoção”. gritaria, choros, pulos, rodopios, desmaios. mas esses mesmos cristãos vivem frustrados e cheio de dúvidas.

Porém a Igreja Forte sabe que, a presença do Santo Espírito nos foi dado como um “Poder” para pisar em serpentes e escorpiões e sobre toda a força do inimigo, e que por intermédio deste Poder, a Igreja pode derrubar as portas do inferno e arrancar de lá aqueles que vivem sobre o domínio de satanás, e isso tudo é possível por intermédio da “Fé”, que opera em acordo com a Palavra de Deus.

Pokémon Go para evangélicos

Usando um aplicativo no smartphone, milhares de pessoas estão saindo de suas casas para caçar Pokémons. Quando algum monstrinho se encontra no ambiente, seja na praça, quarto de hospital ou até mesmo em uma igreja, basta ao jogador direcionar o celular, que o monstrinho é avistado em meio ao mundo real.

Atirando “bolinhas” o caçador de Pokémons poderá assim capturar a criatura colorida e inofensiva.

Com o grande sucesso de Pokémon Go, logo outras companhias estarão lançando games de Realidade Aumentada com temas eróticos e de terror. É aí que começa o perigo espiritual.

Imagine alguém perambulando pela cidade caçando demônios? O que pode parecer algo inofensivo, resultará numa possível comunicação entre o mundo espiritual e o mundo físico.

Espíritos malignos poderão com essa comunicação levar muitos ao engano espiritual, doutrinas diabólicas e a maldade, como a violência e o suicídio, sem falar na esquizofrenia e a possessão maligna.

Com relação aos temas eróticos, clubes de strip e outras do segmento poderão colocar mulheres nuas na porta ou nas esquinas das ruas seduzindo os “clientes”.

A tecnologia da Realidade Aumentada poderá trazer sim muitas armadilhas diabólicas, mas não podemos descartar o fato de que poderá também ser utilizada para o bem, como a medicina ou mesmo o trânsito.

Até mesmo a igreja poderá se utilizar dessa incrível tecnologia, imagine como seria um evangelismo virtual, cristãos evangelizando o mundo sem precisar estar no local, países onde o evangelho é proibido, e onde missionários são mortos, pregadores anunciando o evangelho da salvação mesmo estando há milhares de quilômetros de distância.

Bem vindos a tecnologia da Realidade Aumentada, bem vindo ao futuro, use com moderação e sabedoria.